Início Ciência Arqueólogo amador encontra valioso anel romano com 1800 anos

Arqueólogo amador encontra valioso anel romano com 1800 anos

COMPARTILHAR

(dr) Facebook

O anel encontrado tem o Deus romano da Vitória gravado

Um historiador amador encontrou um tesouro de fazer inveja a qualquer arqueólogo profissional: um anel romano ornamentado em ouro com cerca de 1800 anos.

Na face do anel – que se acredita ser de ouro de 24 quilates -, os artesãos antigos colocaram um ónix preto (mineral da variedade da ágata), no qual gravaram o Deus romano da vitória a dirigir dois cavalos, revela a BBC.

Jason Massey, membro do grupo Detecting for Veterans, descobriu o anel no passado dia 29 de julho enquanto examinava um campo perto da cidade de Crewkerne, na Inglaterra.

O anel ainda não foi analisado formalmente mas, segundo especialistas do Museu Britânico ouvidos pela BBC, a joia data provavelmente de 200 a 300 d.C.

Inicialmente, Massey acreditava que o anel fosse uma moeda em ouro, uma vez que foi encontrado no meio de uma série de moedas romanas antigas enterradas naquele terreno.

Este mesmo campo mostrou-se bastante fértil para o historiador: já em novembro passado, Massey e os seus amigos veteranos tinham encontrados um caixão revestido com chumbo e mais de 250 moedas também da época do Império Romano.

Todos estes achados arqueológicos aponta que neste lugar já existiu uma “vila romana de estatuto muito elevado”, afirmou Massey.

“Há muita discussão em torno do valo do anel, mas nós estamos interessados na vila, em quem viveu lá, de onde essas pessoas vieram e quem era a pessoa que usava este anel”, explicou o veterano.

De acordo com Ciorstaidh Hayward-Trevarthen, uma oficial de Somerset and Dorset, na Inglaterra, “há um par de anéis de ouro semelhantes a este já encontrados em Somerset, mas não são comuns“, disse ela à BBC.

Além disso, apontou Hayward-Trevarthen, o facto do anel ser de ouro é “uma indicação de que o seu proprietário era bastante rico”.

Na verdade, este está longe de ser o único artefacto romano descoberto por arqueólogos amadores. Em 2015, um homem com um detetor de metais descobriu um túmulo romano extremamente bem conservado numa aldeia no norte de Londres.

Já em 2013, um grupo de arqueólogos amadores encontrou uma enorme rede de túneis sob a vila do imperador romano Adriano, em Tivoli, na Itália.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

18 + ten =