Início Ciência Cientistas chineses descobrem proteínas chave do cancro no pulmão

Cientistas chineses descobrem proteínas chave do cancro no pulmão

COMPARTILHAR

Investigadores chineses do Instituto de Zoologia da Academia de Ciências da China descobriram 21 proteínas chave, que podem inibir ou estimular o crescimento de células do cancro do pulmão.

Através de técnicas laboratoriais, os investigadores testaram 1.520 fatores de transcrição, e descobriram que onze destes eram supressores tumorais, que impediam o crescimento de células cancerígenas, enquanto outros dez tinham o potencial de causar o crescimento.

Os fatores de transcrição são proteínas chave ligadas à sequência do ADN (ácido desoxirribonucleico), que controlam a expressão genética e descodificam a informação no genoma humano.

De acordo com a agência de notícias oficial chinesa Xinhua, estudos adicionais mostraram que IRX5, um dos TFs mais perigosos, foi detetado em níveis elevados em pacientes com cancro do pulmão, cuja causa principal da doença é o tabaco. Em experiências feitas com ratos, os investigadores impediram o crescimento de células cancerígenas ao inibir o IRX5.

O cancro do pulmão representa 20% de todas as mortes por cancro no mundo. Entre 80% e 90% são causados pelo consumo de tabaco, segundo a Agência Internacional de Investigação sobre o Cancro.

O estudo foi publicado na passada sexta-feira na revista internacional Cancer Letters.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

ten + 7 =