Início Ciência A vacina do futuro chega por correio e pode ser tomada em...

A vacina do futuro chega por correio e pode ser tomada em casa

COMPARTILHAR

PAHO / WHO

Cientistas anunciaram recentemente a criação de uma vacina experimental eficaz que se chegar ao mercado pode revolucionar a vacinação em todo o mundo.

Uma equipa de investigadores a área da imunologia publicou recentemente um estudo na revista Science Advances no qual explicam que a ideia de haver, num futuro próximo, uma vacina cuja compra se realiza online não é tão disparatada como pensamos.

Os cientistas criaram um medicamento para injeção intradérmica, algo que facilita muito esta ideia de “self-service” – a aplicação torna-se muito mais fácil, podendo ser feita mesmo que a pessoa não tenha qualquer conhecimento médico.

A maioria das vacinas é aplicada com injeção subcutânea, que atinge as camada mais profundas do tecido e, por essa razão, só pode ser administrada por um profissional da área. As vacinas contra a gripe, por exemplo, são aplicadas no músculo deltoide.

O método desenvolvido pela equipa atingiu bons resultados tanto em furões – usados para verificar a eficácia dos medicamentos – como em humanos. A novidade pode ser adaptada para outras vacinas que não apenas a da gripe, como aconteceu neste caso.

O aplicador utiliza uma microagulha que, a partir da pele, pode penetrar nos tecidos profundos e vasos sanguíneos. “Um dia poderá ser enviada pelo correio para autoadministração. Isso poderia aliviar as multidões nos centros de saúde no caso de um surto ou pandemia”, afirmam os cientistas.

Darrick Carter, bioquímico do Instituto de Investigação em Doenças Infeciosas de Seattle, nos Estados Unidos, combinou três tecnologias para obter o produto, considerado “eficiente e seguro”.

Carter utilizou uma técnica alternativa à do vírus inativado, a chamada vacina recombinante, para produzir uma resposta imunitária ainda mais forte. A essa vacina juntou um lípido que aumenta a sua eficácia. Por último, utilizou esta microagulha intradérmica.

Depois de testada em animais, a vacina contra a gripe foi administrada em 100 humanos, não tendo sido registados quaisquer efeitos adversos. Os resultados foram descritos como “positivos“.

Os cientistas defendem que o sucesso deste teste permite tornar, num futuro próximo, esta vacina realidade. A ideia de receber uma vacina por correio pode não estar assim tão distante.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

2 × five =

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.