Início Ciência Icebergue em forma de caixão dirige-se para a “morte”

Icebergue em forma de caixão dirige-se para a “morte”

COMPARTILHAR

NASA

Um icebergue de forma estranha, semelhante a um caixão, está a aproximar-se lentamente do seu fim, dirigindo-se para uma área do oceano onde as massas flutuantes de gelo derretam, relatou a agência espacial norte-americana.

Em 2000, um pedaço de icebergue apelidado de B-15To maior da Antártida – separou-se da plataforma de gelo de Ross, na Antártida e, durante 18 anos, moveu-se na Corrente Circumpolar Antártica que flui de oeste para leste em volta do continente.

No entanto, em meados de 2017, a sua trajetória mudou, rumando para o mar de Weddell, dirigindo-se a norte em direção às águas quentes, onde os icebergues acabam por se fundirem rapidamente.

Os especialistas da NASA salientaram a curiosa semelhança de como um “caixão” de gelo se formou por acaso ao longo de 18 anos, passando na corrente entre outros icebergues.

“​Adeus, querido B-15T! Após 18 anos no mar, o icebergue em forma de caixão entrou na região da Antártida onde os icebergues morrem”, escreveu a NASA.

Recentemente, a NASA relatou ainda a descoberta de um estranho e perfeito icebergue retangular à deriva na Antártida. Segundo Kelly Blunt, cientista na agência espacial e na Universidade de Maryland, o fenómeno é mais comum do que se possa imaginar.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

7 + seventeen =

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.