Início Ciência Agricultor encontrou estatueta romana (e esqueceu-se dela numa embalagem de margarina)

Agricultor encontrou estatueta romana (e esqueceu-se dela numa embalagem de margarina)

COMPARTILHAR

Rod Trevaskus / Oxfordshire county council

Pequena estátua de Minerva, a deusa romana da sabedoria

Decidiu brincar com um detetor de metais e encontrou um tesouro romano com dois mil anos. Sem sequer imaginar a importância do artefacto, um agricultor inglês guardou a estatueta de Minerva numa embalagem de margarina. Durante uma década aí viveu a deusa da sabedoria, envolta de gordura e esquecimento.

Uma pequena estátua de Minerva esteve escondida durante a última década numa caixa vazia de margarina. Este é, provavelmente, um dos lugares mais improváveis para se encontrar uma estatueta da deusa romana da sabedoria, mas tudo tem uma explicação.

Há dez anos, um agricultor inglês decidiu brincar com um detetor de metais nas suas terras, acabando por descobrir a estátua, feita de uma liga de cobre e chumbo e com cerca de dois mil anos.

Sem se aperceber do tesouro que tinha encontrado, decidiu guardar o artefacto numa embalagem de plástico de margarina, acreditando que se tratava de uma peça moderna. Mas, como geralmente acontece com as embalagens, acabou por se esquecer desta especialmente importante.

A sua salvação foi Len Jackman, um conhecido seu. No ano passado, o também prospetor amador de metais pediu ao agricultor para fazer uma prospeção na sua prioridade e eis que se fez luz: a estatueta esquecida na embalagem de margarina.

Segundo o Quartz, o agricultor da aldeia de Haley, em Orxfordshire, no Reino Unido, decidiu mostrar a estátua ao amigo que o aconselhou a levá-la uma especialista. Anni Bayard, arqueóloga que trabalha em Oxfordshire com o British Museum, nem queria acreditar no que tinha em mãos.

Ao The Guardian, a especialista disse que quando levantou a embalagem de margarina, pensou “que teria alguma coisa em chumbo, de tão pesada que estava”. “Mas quando desembrulhei do papel em que estava envolta, uau, foi um momento fantástico.”

“Percebi imediatamente que era uma peça romana e algo que normalmente não se encontra”, explicou, acrescentando que esta “foi a primeira estátua deste tamanho que vi nos 10 anos que levo de atividade”.

Na verdade, este pequeno tesouro é apenas uma das 1267 peças arqueológicas de valor cuja descoberta recente, feita por prospetores de metais amadores nas regiões em Gales, Inglaterra e Irlanda do Norte, o British Museum anunciou esta terça-feira.

Entre as várias peças encontradas por arqueólogos amadores estão tesouros como um medalhão em ouro da Idade do bronze, com 3500 anos, que apresenta um design “surpreendentemente moderno”, segundo os especialistas do British Museum.

Se no fim de ler esta peça lhe apetecer abrir o frigorífico e nele avistar ao fundo, também esquecida, uma embalagem de margarina, saiba que há embalagens especiais que guardam tesouros com dois mil anos. Pode não ser o caso da sua, mas foi o caso da do agricultor inglês.

LM, ZAP //

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

6 + twelve =

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.