Início Ciência Raras moedas de ouro com 900 anos encontradas em Israel

Raras moedas de ouro com 900 anos encontradas em Israel

COMPARTILHAR

Israel Antiquities Authority / Yaakov Shimdov

Uma equipa de arqueólogos descobriu 24 moedas de ouro, algumas das quais extremamente raras, e um brinco de outro numa escavação arqueológica na cidade de Cesareia, em Israel.

As moedas remontam ao século XI e, de acordo com os cientistas, devem estar ligadas aos acontecimentos do ano de 1101, quando Cesareia foi conquistada pelas forças de Balduíno I de Jerusalém (1060 — 1118), um dos líderes da Primeira Cruzada, que massacraram grande parte dos residentes da cidade.

“É razoável assumir que o dono do tesouro e a sua família tenham morrido no massacre ou tenham sido vendidos como escravos, não podendo recuperar o ouro”, comentaram os diretores da escavação, Peter Gendelman e Mohammed Hatar da Autoridade de Antiguidades de Israel, citados pela edição Jewish Press.

As 24 moedas, datadas de há 900 anos, foram encontradas no interior de um pote de bronze entre duas pedras de um poço. Segundo os especialistas, 18 das moedas descobertas são dinares fatímidas, a moeda comum naquela época, e seis são moedas “extremamente raras” do Império Bizantino.

“Estas moedas não circulavam no local e sugerem possíveis relações comerciais entre Cesareia e Constantinopla”, disse o perito em moedas, Robert Kool.

Kool frisou que uma ou duas moedas encontradas eram equivalentes ao salário anual de um camponês e, por isso, supôs que as pessoas que as esconderam fossem ricas ou comerciantes.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

four × one =

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.