Início Cultura Apesar da chuva, a tradição mantém-se

Apesar da chuva, a tradição mantém-se

COMPARTILHAR

Apesar da chuva a tradição das ENDOENÇAS manteve-se ejá são mais de 40 anos.

As Endoenças constituem um evento de turismo religioso ímpar, no qual milhares de tigelinhas iluminam as duas margens do rio Tâmega, a freguesia de Alpendorada, Várzea e Torrão (Marco de Canaveses), o lugar de Entre-os-Rios (Penafiel) e ainda o lugar de Boure na margem esquerda do rio Douro, pertencente ao concelho de Castelo de Paiva, lugares que constituem antigo Couto de Entre-os-Rios. Esta Procissão é também acompanhada por “Barcos de Fogo” junto ao rio.

Já na sexta-feira, dia 30 de março, pelas 15 horas, a Procissão do Enterro do Senhor cumpre o percurso inverso, de regresso à Igreja Paroquial de Santa Clara do Torrão, no Marco de Canaveses.

Segundo a liturgia católica, as Endoenças são uma alusão à sexta-feira Santa, dia de indulgência na Península Ibérica, no qual era dada a absolvição aos fiéis. Com o passar do tempo, este conceito mudou para o dia anterior, quinta-feira Santa.
À semelhança de anos anteriores, as Câmaras Municipais do Marco de Canaveses e de Penafiel comparticipam as mais de 50 mil tigelinhas que vão iluminar as margens dos rios Tâmega e Douro durante a celebração das Endoenças.

 

Quinta-feira Santa, Quinta-feira de Endoenças ou Grande e Sagrada Quinta-feira é a quinta-feira que antecede a celebração da morte e ressurreição de Jesus. É o quinto dia da Semana Santa no cristianismo ocidental e o sexto no cristianismo oriental (que conta também o Sábado de Lázaro, anterior ao Domingo de Ramos). É neste dia que se comemora o lava-pés e a Última Ceia de Jesus com seus apóstolos segundo o relato dos evangelhos canônicos.
A data ocorre sempre entre 19 de março e 22 de abril, mas os dias variam dependendo do calendário litúrgico utilizado, o gregoriano ou o juliano. As igrejas orientais geralmente usam este último e por isso celebram esta festa em datas que correspondem ao período entre 1 de abril e 5 de maio no calendário gregoriano utilizado no ocidente. A liturgia utilizada na noite da Quinta-feira Santa encerra a Quaresma e dá início ao chamado Tríduo Pascal, o período que comemora a paixãomorte e ressurreição de Cristo e inclui ainda a Sexta-feira Santa, o Sábado de Aleluia e termina no Domingo de Páscoamissa neste dia é geralmente celebrada no final da tarde, o início da sexta de acordo com a tradição judaica, e relembra o fato de Última Ceia ter sido uma refeição da Páscoa judaica

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

one × two =