Início Notícias Dia dos namorados:o que é mais importante? veja o que acham os...

Dia dos namorados:o que é mais importante? veja o que acham os nossos leitores

COMPARTILHAR

Toda a gente sonha com um amor. E, para aqueles que encontraram e podem comemorar esta data com a sua cara metade, hoje é o dia oficial de São Valentim.

Mas nem todas as pessoas festejam este dia da mesma maneira. Umas, atraiçoadas pelo facto de o Dia dos Namorados calhar a uma quarta-feira, não tiveram a oportunidade de comemorar este dia, pelo menos ao lado dessa pessoa amada. Mas outras pessoas tiveram sorte, e vão poder fazê-lo.

O jornal Paivense foi para a rua perguntar às pessoas o que acham deste dia, e qual a sua importância. As respostas são diferentes, mas interessantes.

Eliana Rocha diz não festejar este dia. O motivo não se prende com o facto de não gostar da existência de um dia dedicado especialmente ao amor, mas antes porque faz anos “daqui a uma semana” e optam por festejar o amor que os une nessa altura.  “Mas fazemos uma coisa para os dois e não uma troca de presentes.  Pode haver, eventualmente, presentes mas a nossa intenção é marcar algo que agrade os dois e que dê para fazer juntos”, salientou.

Patrícia Cunha diz que este “é um dia especial, sem dúvida! Mas que também pode ser dividido com os amigos e não só com o namorado/a”.

“Na minha opinião, o dia dos namorados deveria ser todos os dias. Mas temos de admitir que é um dia diferente e, no fundo, um dia especial, isto se nos outros dias existir igual dedicação e amor. É um dia especial e diferente, se não for apenas para um dia de aparência! Acho que deve ser vivido ao longo do ano”, contou.

Sobre os presentes, Patrícia concorda com Eliana Rocha, já que, embora admita que ache “fofinho aqueles presentes simbólicos” o mais importante “é o momento com a pessoas”.

Na perspetiva de alguém com relações mais longas, onde a palavra “namorados” deixou de existir, no sentido literal da palavra, há 21 anos, altura em que Carla Freitas se casou.

“Já estou casada há 21 anos, namorei durante 11. Nesta altura, não comemoramos o dia em si. Acho que se deve alimentar a relação com amor, respeito , confiança e carinho, ao longo do ano, para tornar a relação mais sólida e duradoura. Logo, é durante o ano, dia após dia, com obstáculos a superar em conjunto que se celebra o dia/ os dias dos namorados. Até porque hoje também é o dia dos afetos e é de afetos que precisamos, diariamente, jovens e menos jovens, namorados, casados e solteiros”.

LEIA MAIS:

Vinho Verde Wine Experience vai até Baião para conhecer os vinhos da região

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

sixteen − one =