Início País Almoço de militares em “repúdio” contra o general Rovisco Duarte

Almoço de militares em “repúdio” contra o general Rovisco Duarte

COMPARTILHAR

(dr) presidencia.pt

O Chefe do Estado-Maior do Exército, General Frederico José Rovisco Duarte

O almoço de militares que visa homenagear o coronel Pipa Amorim, que foi afastado do Regimento de Comandos em Julho passado, está a ser visto como um momento de repúdio contra o Chefe de Estado-Maior do Exército, Rovisco Duarte.

A notícia é avançada pelo jornal i que refere que o almoço que se vai realizar no próximo dia 8 de Setembro pretende homenagear o coronel Pipa Amorim, que foi afastado do Regimento de Comandos por Rovisco Duarte.

A versão oficial do Exército é que Pipa Amorim não foi exonerado, mas afastado no âmbito de uma gestão de recursos.

Mas o i nota que o coronel terá sido afastado por dizer que não aceitava “cabalas contra os militares”, quando decorria o processo judicial do caso das mortes dos comandos. Os elogios que Pipa Amorim teceu a Vítor Ribeiro, um dos rostos da tentativa de golpe de 25 de Novembro de 1975 ao lado de Jaime Neves, também não terão agradado ao CEME, segundo uma notícia avançada pelo Diário de Notícias.

Este almoço de homenagem a Pipa Amorim é convocado pelos organizadores do evento como um momento de “repúdio” pela decisão de Rovisco Duarte, como atesta o i, notando que o antecessor do CEME, Carlos Jerónimo, está entre os organizadores do evento.

A nota de anúncio do convívio refere que “um conjunto de camaradas, não ligados a qualquer associação militar, vai realizar um almoço de homenagem à frontalidade e coragem moral do Comandante do Regimento de Comandos, coronel comando Pipa Amorim, em repúdio pelo seu afastamento precipitado e sem justificação do Comando da Unidade que tem defendido com todas as suas forças”.

Todavia, um dos responsáveis pela organização do almoço, o coronel na reserva Pedro Tinoco de Faria, assegura ao i que “não é um almoço contra o general CEME” e que “não há aqui nenhuma revanche”. “É um almoço de amigos e de pessoas que respeitam o comando que o coronel Pipa Amorim fez no regimento de comandos” e “que se identificam com a sua coragem moral”, diz.

Fonte: ZAP

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

3 × 2 =

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.