Início País Armas, carros, fatos. 90 milhões de euros para equipar polícias

Armas, carros, fatos. 90 milhões de euros para equipar polícias

COMPARTILHAR

Os polícias vão receber, em 2019, armas, carros, coletes balísticos e fatos de proteção, bem como obras em instalações, no valor de 90,9 milhões de euros.

Esta sexta-feira, em Cascais, o ministro da Administração Interna entrega novas armas à PSP. Custaram 333.489 euros e são carabinas para as operações especiais, pistolas elétricas e armas “menos letais”, de acordo com o Correio da Manhã.

De acordo com o ministério de Eduardo Cabrita, desde 2017, já se investiram 8 milhões em esquadras, igual valor em 333 veículos, 2 milhões em 3978 armas e 4521 acessórios, 3 milhões em 26333 equipamentos de proteção individual, 1 milhão em equipamentos de apoio à atividade operacional, 3 milhões para “funções especializadas” e 110 em “Tecnologias de Informação e Comunicações”.

O investimento de 2019 faz parte da Lei de Programação de Infraestruturas e Equipamentos, que prevê 454,6 milhões de euros, 9,2 dos quais em armas. Até ao final deste ano vão ser entregues 1150 pistolas (585.886 euros) e 919 bastões extensíveis (101.796 euros).

Além do investimento nas forças de segurança, que ainda assim se veem com poucos carros operacionais – centenas de veículos avariados põem em causa a operacionalidade e apoio aos cidadãos – , o Governo comprou ainda 116 veículos de combate a incêndios para a Proteção Civil e GNR (96 ligeiros, 16 florestais pesados e quatro tanques pesados).

Na quinta-feira, foi publicado em Diário da República um despacho que autoriza a PSP a gastar, no próximo ano, 1,34 milhões de euros – a que acresce o IVA – em serviços de manutenção de viaturas dos comandos distritais, regionais e da Escola Prática de Polícia. O despacho está assinado pela secretária de Estado-Adjunta, Isabel Oneto.

Fonte: ZAP

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

one + seventeen =

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.