Início País Pensões aumentam entre seis e 41,8 euros mensais em 2019

Pensões aumentam entre seis e 41,8 euros mensais em 2019

COMPARTILHAR

partidosocialista / Flickr

O ministro José António Vieira da Silva

O aumento das pensões em 2019 vai ser mais moderado do que inicialmente previsto porque a evolução da inflação ficou abaixo das estimativas do Governo.

As pensões vão aumentar entre seis e 41,8 euros em janeiro do próximo ano. Estes valores resultam da atualização automática e do aumento extraordinário destinado aos pensionistas com menos recursos que, em 2019, se aplica logo em janeiro.

Assim, de acordo com o Público, quem recebe pensões até 653,6 euros tem a garantia de que receberá pelo menos mais seis euros do que em 2018 (nalguns casos serão mais dez euros), enquanto nos escalões mais elevados o aumento chegará, no máximo, aos 41,8 euros.

A atualização é feita com base numa fórmula que combina a média da inflação dos últimos 12 meses (1,03% em novembro) e a evolução da economia nos últimos dois anos (crescimento médio ficou nos 2,6%).

Depois de conhecidos estes fatores, e aplicando a fórmula prevista na Lei 53-B/2006, é possível antecipar que, como a economia cresceu perto de 3%, a esmagadora maioria dos pensionistas terá aumentos acima da inflação que, nas contas do Governo, será de 1,3% no próximo ano.

Com a economia a crescer acima dos 2%, isto significa que todas as pensões até aos 870,67 euros brutos mensais – que corresponde a duas vezes o Indexante de Apoios Sociais previsto para 2019 – podem contar com aumentos acima da inflação pela aplicação da regra de atualização legal anual.

Além disso, as pensões mais baixas, até aos 653 euros brutos mensais (uma vez e meia o IAS) têm garantido mais 10 euros mensais por via do aumento extraordinário previsto no Orçamento do Estado para 2019, e que vai chegar já em janeiro.

Fonte: ZAP

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

12 + eight =

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.