Início Agricultura Vales Postais: saiba tudo sobre a forma de levantamento de indemnização

Vales Postais: saiba tudo sobre a forma de levantamento de indemnização

COMPARTILHAR
Vales Postais: fonte- google; divulgação

Os Vales Postais, destinados a indemnizar os agricultores, estão a ser distribuídos pelos Correios dos concelhos mais afetados pelas chamas nos dias 15 e 16 de outubro. Os CTT de Castelo de Paiva é um desses locais para o levantamento.

A emissão dos vales postais iniciou ontem, dia 10 de janeiro, data que foi articulada com o Instituto de Financiamento da Agricultura e Pescas.

Segundo o Diário de Notícias, “os CTT procederão à distribuição da totalidade dos vales postais, ficando os mesmos imediatamente disponíveis para o respetivo pagamento em qualquer um dos cerca de 2.300 pontos de acesso dos CTT ou para depósito bancário”.

São cerca de 75% das indemnizações que estão a ser distribuídas através destes vales postais, já que mais de 13 mil agricultores afetados em termos nacionais não possui uma conta bancária. Estes 13 mil agricultores vai receber os montantes atribuídos através de vale postal ou cheque carta.

Vales Postais: podem ser levantados nos CTT Castelo de Paiva

Em 05 de janeiro, o gabinete do ministro da Agricultura, Florestas e Desenvolvimento Rural, retomando uma informação divulgada em 22 de dezembro, esclareceu que “mais de 13 mil agricultores não têm conta bancária, pelo que receberão os valores correspondentes a 75% do valor a que se candidataram por vale postal ou cheque carta”.

Segundo o Gabinete do ministro da Agricultura, Florestas e Desenvolvimento Rural, os outros 25% da população vão receber “após a verificação dos serviços do Ministério da Agricultura”, estando previsto acontecer durante o mês de janeiro.

O prazo de levantamento destes vales termina esta sexta-feira, dia 12 de janeiro.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

7 − three =